Páginas

sexta-feira, 28 de julho de 2017

As Amigas e o Motel


- Você me empresta seu carro para eu levar um amigo ao motel?
- De novo?:
- Como assim, de novo?
- Não, amiga! Esquece! Tô ficando maluca! Eu falei de novo?
- Falou. Eu não sou surda. Por acaso você já me emprestou seu carro para eu ir ao motel?
- Não. Claro que não! Desculpa, linda! Tô ficando maluca. Empresto sim. Mas com uma condição: vou ter que contar ao meu marido.
- O Márcio?
- Sim. Por acaso eu tenho outro marido?
- Não, sua louca. Não é isso. É que..... e se ele contar ao meu marido?
- Fique tranquila. Ele não vai contar. Mas eu também não posso correr o risco de alguém ver meu carro entrando num motel e eu levar a fama de galinha.
- Você tá me chamando de galinha?
- Nãããão. Só estou dizendo o que aconteceria se alguém visse meu carro e o Márcio não estivesse ciente do que estava acontecendo. Ele iria achar que era eu dentro do carro levando um moleque qualquer ao motel.
- Ei, o Rodrigo não é um moleque qualquer!
- Rodrigo? Você vai levar o Rodrigo ao motel?
- Eu disse isso?
- Disse. Você falou Rodrigo, e eu não sou surda. Tá bem hein?!
- Ei, ei, chega. Pode parar. Vai me emprestar a porra do carro ou não vai?
- Claro que não! Se é para o Rodrigo ir ao motel no meu carro, é melhor que ele vá comigo.
- Mas e o seu marido?
- O Márcio?
- É lógico, por acaso você tem outro marido?
- Bem, se ele vir meu carro, faço como fiz no dia que eu sai com o Fernando.
- Fernando? Você saiu com o Fernando?
- Não, não saí. Eu disse isso?
- Disse. Fernando. Eu também não sou surda. E o que você alegou quando seu marido viu seu carro entrando num motel?
- Disse que emprestei a uma amiga.
- Entendi. Êpa.... que amiga?
- Ora, tá louca? Quem é a única e verdadeira amiga que eu tenho, e a quem eu emprestaria meu carro para ir ao motel?
- Aaaaahhhhh sua vaca!!!

Nenhum comentário: